domingo, 23 de setembro de 2012

Faltou "A Voz" no primeiro The Voice Brasil

 
Tentar julgar um cantor apenas por sua voz, sem deixar que a aparência interfira na decisão. Essa é a proposta do reality show "The Voice", cuja versão brasileira estreou neste domingo (23), na TV Globo.
No formato do programa, quatro jurados ficam de costas para o palco e escolhem cantores para seus times. Para fazer isso, eles devem apertar um botão vermelho, que vira suas cadeiras e revela a identidade do cantor. Quando mais de um jurado escolhe um participante, ele decidirá para qual time vai entrar. Além de julgar, os quatro profissionais funcionam como técnicos daqueles que buscam a carreira artística.
Apesar de seguir basicamente a mesma estrutura do original, "The Voice Brasil" não teve um primeiro episódio empolgante! Faltou uma grande voz na estreia, já que é exatamente isso que o programa busca. Cantores como Gustavo Fagundes e Ellen Oléria fizeram bonito e mostraram que podem ser os grandes destaques da temporada. No entanto, aquela interpretação marcante de uma canção não veio e "A Voz" não apareceu...
Acho, também, que faltou agilidade à edição do programa. Comparando com a edição norte-americana (é inevitável!), "The Voice Brasil" não me pareceu tão dinâmico e vivo! Mas, esse foi só o primeiro programa e isso não pode ser levado em consideração para julgar a temporada toda.
Quanto aos jurados da versão brasileira (Carlinhos Brown, Cláudia Leite, Lulu Santos e Daniel), é incontestável que são nomes de expressão na música brasileira mas, para mim, também está faltando "A Voz" sentada naquela cadeira, avaliando os cantores. O Brasil é um país muito rico musicalmente, com estilos e timbres variados, e uma voz mais marcante faz falta ali. Mas, esse é um ponto subjetivo, já que é uma visão influenciada pelos meus gostos musicais.
"The Voice" tem um formato interessante e diverte. Porém, a versão brasileira precisa ganhar mais dinamismo e encontrar o principal: uma voz impactante... "A Voz"!
 
Em tempo: O horário do programa também me pareceu um pouco equivocado... Acho que o formato combina melhor com a noite, mas tudo bem!

Nenhum comentário:

Postar um comentário